Om

Que possamos manter Sagrado o Yoga
Que possamos desenvolver nossos espíritos
Que muitos conheçam e pratiquem o Yoga
Que possamos mudar o mundo
Através de boas ações
De um grandioso coração
E da Alma Divina que habita em tudo!

Espero que o conteúdo deste espaço possa lhe inspirar.

Namaskar!

Textos Publicados

Textos Publicados

segunda-feira, 31 de dezembro de 2012

2013, o Ano da Serpente

 A serpente na Índia representa nossa energia espiritual, a kundalini.

Quando despertada, em diferentes estágios, ela revela um estado de unidade, de expansão e felicidade cada vez maiores. 

 Desejo a todos um Feliz Ano Novo!!!

 Loka Samastha Sukhino Bhavantu!!

domingo, 23 de dezembro de 2012

Boas Festas!


Agradecer
Perdoar
Dizer ‘ te amo’

Abraçar
Pedir perdão
Beijar
Orar
Meditar

Entregar
Esvaziar
Renovar
Estar presente
Estar tranquilo
Contemplar

E viver cada momento.
Como um presente
Aqui
Agora

Deus
Brahma
Em mim
Em nós
Em tudo

Boas Festas!
 
Mahavir

domingo, 16 de dezembro de 2012

Sentar


Muitos sofrem
Dentro da mente inquieta.
O espírito precisa de silêncio.

Sentar
Cruzar as pernas
Fechar os olhos
Coluna ereta
Respiração bem tranquila
Sem estímulos de fora
A alma se acalma.

Tudo vai ficando mais simples.
Repousamos naquilo que é essencial.
E assim podemos viver melhor nesse mundo.

Forma e não forma.
Se você compreender isso.
Sempre estará firme no caminho.

Mahavir Thury

terça-feira, 20 de novembro de 2012

O falso fogo

 As disciplinas do yoga purificam o corpo, a mente e o espírito. Meditação, repetição dos mantras, jejum, serviço, estudo, propagação do Dharma, ásanas, todos são práticas purificadoras.


Mas o que acontece quando seres que seguem as disciplinas permanecem afastados da purificação?
 

Um dos motivos é a quantidade de samskaras armazenados. Essa carga varia de acordo com as ações passadas de cada um. Samskaras bons ou ruins.
 

O outro motivo está relacionado com a intenção, com o direcionamento das ações purificadoras. É muito simples. Quando a ação desconstrói o ego, o ahamkara, ela é purificadora, ela é libertadora e reveladora. Quando a ação possui algum segundo interesse, quando a ação em vez de desfazer reforça a nossa dual de Eu, de ganho, de identidade, ela não gera purificação.
 

Quando um monge com seu hábito faz sua prostração se entregando, esquecendo-se de si, ele se liberta, mas a mesma ação não tem nenhum valor quando está ligada a um tipo de “show” espiritual.
 

Namaskar!

sábado, 10 de novembro de 2012

Em cima do muro

Tem horas que na vida ou é ou não é! Não tem meio termo. Espada samurai!

Sair cortando tudo que tá confuso ou em cima do muro!

Assim se cria espaço pro novo..

"Não tenho tempo a perder, só quero saber do que pode dar certo."

Jay!!!

segunda-feira, 15 de outubro de 2012

Dia do Mestre


Dia do Mestre
 

Este texto de um Lama tibetano me ajudou muito na minha relação com meus mestres... É como um segredo pra acessar estes grandes seres!

 “Existem três formas, os sútras dizem, de demonstrar repeito por seus mestres espirituais ou amigos. O meio mais fácil é fazendo oferendas – seja repetindo orações, oferecendo bens materiais, ou dando outras coisas que possam agradar seu mestre, ou que ele possa estar precisando.


O segundo meio é através da divulgação do Dharma, ajudando os outros, estabelecendo monastérios, templos, e centros, ou qualquer outra trabalho que seja dhármico.
 

O terceiro meio, um aluno alerta, irá demonstrar reverência. Esta é a mais alta forma de servir seu mestre. Apesar dos professores darem ensinamentos a muitos, nem todos os alunos levam os ensinamentos ao coração e se esforçam em seguir suas instruções através da prática verdadeira, fazendo o esforço de estudar e aprender os ensinamentos corretamente, ajudar os outros no mesmo esforço, e, uma vez aprendido as instruções, ensinar os outros. Na verdade, colocar os ensinamentos do Buddha em prática, é conhecido como a mais alta forma de respeito ao seu professor, a mais alta forma de prestar reverências ao seu mestre.”
 

Deshung Rinpoche no “The Three Levels of Spiritual Perception”
 

Namaskar!

sexta-feira, 5 de outubro de 2012

Aulão

É com muito orgulho que anuncio o aulão deste Sábado. Minhas três queridas alunas, agora professoras, irão abrir um horário juntas onde darão aulas seguindo o mesmo método.

Vale a pena conferir a energia da Samgha se espalhando!

Jay!

Mahavir

quinta-feira, 16 de agosto de 2012

Workshop sobre Meditação

Neste Sábado, 18 de agosto às 15h00, workshop:

"O Poder da Meditação"

Inscrições no Espaço Nirvana.

Namaskar!!

quinta-feira, 19 de julho de 2012

Paixão

A paixão é um vrtti negativo do terceiro chakra. Este chakra, localizado no umbigo, está ligado com a visão (órgão sensorial) e as pernas (órgão motor). Seu elemento é o fogo!


Por isso, quando apaixonados sentimos o friozinho na barriga, as pernas bambas e a visão distorcida. O objeto da paixão pode ser cheio de defeitos, mas para o apaixonado ele é perfeito! A pessoa pode estar dizendo: “Não! Não!” e ouvimos “Sim! Sim!”.


É um estado muito agradável, semelhante, creio eu, a estar drogado. Num filme alemão, que não me lembro do nome agora, o personagem principal costumava falar que a paixão é a mais poderosa das drogas. Ele falava isso não só pelo efeito dela ao estar apaixonado,  mas também pela dependência que gerava e sua consequente dor na abstinência. Muita dor!


Se analisarmos calmamente a paixão e umas das manifestações dela, que é se transformar rapidamente de amor a ódio, podemos concluir que, na verdade, ali não se trata de amor realmente. Na maioria dos casos, só ao retirar o fator atração física já teríamos toda aquela emoção dissolvida.


Acredito sim que a paixão pode se transformar num amor profundo, se entendermos a natureza dela. Já vivenciei paixões que não foram correspondidas e passei a transmutá-las e vivenciar a partir daí um amor muito mais livre e amplo que o anterior.


Quando um monge, um yogue, toma o voto de celibato, ele quer vivenciar este amor.


A sublimação da paixão é dominar o segundo chakra (o chakra sexual) e o terceiro chakra. Assim a consciência expande para o chakra do coração(no centro do peito) e os outros chakras superiores.


São nestes chakras que vivenciamos o verdadeiro amor! É um estado livre que uma vez alcançado nos dá a nítida noção que a paixão não tá com essa bola toda não!


Quando realizamos que nosso principal dom é amar desta forma e que este Universo é um vasto Oceano deste amor...


Amor é paz
Amor é felicidade
Amor é silêncio
Amor é som
Amor é o belo
Amor é o feio
Amor é a Alma de Deus
Que envolve e permeia tudo!

Bábá Nám Kevalam


O caminho do Yoga, o caminho da meditação é o caminho do amor..


Namaskar!


P.S.: Usei parágrafos a mais para tornar a leitura no computador mais agradável.

domingo, 17 de junho de 2012

Agora


No próximo Sábado teremos nosso workshop: “O Poder do Agora”. Nele vamos abordar o que é estar presente a partir da perspectiva do Yoga.

Acabei de construir o esqueleto do workshop, os pontos principais que iremos abordar, e esse conteúdo é tão fantástico e fundamental que meu desejo é que TODOS nossos alunos pudessem estar presentes.

A visão e entendimento do Agora são tão transformadores que entendo plenamente a visão de Eckhart Tolle de que isso pode mudar o mundo numa nova onda de consciência e paz!

Por que eu quero que todos estejam presentes? Eu preciso da presença de todos para ficar feliz?

Não! Mas...

Algo em mim
Que experimento cada vez mais
Que faz me sentir
Grande e Forte
Do tamanho do mundo!

Esse algo que muda nós mesmos
E vai mudar este mundo
Pra melhor
Experimentar e compartilhar
Cada vez mais
A felicidade
A paz!

Namaskar...

Mahavir

quinta-feira, 7 de junho de 2012

Aflições Psíquicas I

Observo que muitas pessoas estão passando por diferentes formas de distúrbios psíquicos. Estamos numa situação de nível alarmante!

Ao longo do meu caminho no Yoga observei que são duas as grandes causas das aflições mentais. Uma delas é a intoxicação do corpo.

Pois prestem bastante atenção no que vou dizer: boa parte das nossas aflições mentais está relacionada com o alto grau de intoxicação do corpo, do sangue. Já tive uma experiência assim. Depois de um período de purificação do corpo intensa, desfrutar de uma mente clara e ver que certas aflições simplesmente desapareceram.

A nossa forma de pensar é muito importante na manutenção do nosso bem estar psíquico, mas se o nosso corpo não está saudável e puro é muito difícil ter uma mente tranquila. E os itens que estão na mais alta escala de intoxicantes são: cigarro e álcool. Drogas como maconha e outras nem preciso falar né? Em segundo lugar estão os alimentos. Deles os alimentos que carregam química pesada como refrigerante Zero e outros. Seguindo o ranking: alimentos gordurosos, de difícil digestão e com alto grau de acidez. O corpo luta para manter o corpo alcalino. Por isso devemos procurar manter nossa dieta a mais alcalina possível.

É muito importante observar que mesmo uma pessoa que possui bons hábitos e não intoxica seu corpo precisa de meios de limpeza dele. Nosso corpo é um saco, onde tudo entra muito fácil mas não sai da mesma forma. Daí a importância de práticas regulares de purificação do corpo.

TODO SER HUMANO TEM QUE SE DEDICAR À UMA PRÁTICA FÍSICA REGULAR!

Correr, nadar, pedalar. Ao transpirar e movimentar o corpo, ajudamos a colocar as toxinas para fora. É fundamental que essas práticas levem o corpo a um certo grau de esforço para que tenha efeito cardiovascular e gerem transpiração.

Umas das práticas mais eficientes na ação de desintoxicação do corpo é o Yoga. Principalmente as práticas focadas no movimento, aquelas que carregam o princípio de conexão do movimento e respiração: Vinyasa.

Efeito esponja

Os ásanas, posturas de yoga, atuam no nosso corpo num efeito torniquete. Ao passar pelos diferentes tipos de ásanas esprememos e contorcemos nosso corpo, como quem pega uma esponja suja e a lava embaixo de água corrente. Boa parte do bem estar que sentimos depois de uma boa aula de yoga está ligado com este efeito. As toxinas se acumulam no corpo, nas juntas e tecidos, provocando inúmeras lesões e bloqueios de energia. Quando nos movimentamos, essas toxinas voltam para corrente sanguínea e são eliminadas. Acredito também que muita coisa sai no suor durante a prática, apesar de alguns estudiosos dizerem que no suor só sai água..hilário!

Por isso queridos amigos, quando tiver com problema na cabeça, quando a mente estiver confusa: VAI PRATICAR!!!!

No próximo texto vou falar da segunda grande causa das aflições mentais.

Namaskar!

Mahavir Thury

sábado, 5 de maio de 2012

Ananda Purnima

"Nenhum poder no céu ou na Terra pode me separar dos meus filhos. Mesmo se este Universo chegar ao fim, eu estarei com eles neste Cosmos sem expressão. Minhas crianças - sejam elas gentis ou rudes - elas são minhas." Shrii Shrii Anandamurti

domingo, 11 de março de 2012

Respeito

Falta de bom senso é um vrtti negativo do segundo Chakra, ele se manifesta quando este chakra está desequilibrado. Vrttis são as propensões mentais. Cada chakra tem um conjunto de propensões mentais positivas e negativas.

Em casos extremos, este vrtti, pode se manifestar como extrema falta de educação. Em casos menores ele gera sempre desconforto e mal estar nas relações. A relação em vez de fluir redonda, fica quadrada, com pontas. Ele existe principalmente pela inabilidade de perceber o outro. A pessoa está tão imersa dentro das próprias necessidades e da agitação da própria mente, ou ela sofre de tamanho egocentrismo, que não consegue mais perceber o outro, não consegue se comportar de forma coerente com o outro ou com o grupo.

Isso é ruim para quem convive com pessoas assim, pois elas são desagradáveis, mas quem realmente sofre mais é quem é mal educado. Essas pessoas acabam sendo evitadas e não conseguem desenvolver suas relações pessoais, seja no trabalho, seja em casa.

No Zen, um dos princípios fundamentais é o respeito. E a definição de respeito pelo Zen é:

“Respeito é a harmonia nas relações.”

Perfeito! Como podemos amar se não respeitamos? Quando desenvolvemos respeito pelas pessoas, pelos animais e também pelos objetos inanimados desenvolvemos com o tempo amor por eles.

Ontem numa de minhas aulas uma aluna começou sua prática com seu japamala no pescoço. Quem não sabe, o japamala é um colar de contas que usamos para repetir os mantras. O mala é um objeto sagrado, como o rosário dos católicos. Tudo que é sagrado, de base ou origem espiritual exige cuidado e respeito redobrados. Pois é, depois de começar a fazer algumas saudações ao sol, a aluna, que estava com seu japamala atrapalhando durante a execução de um movimento, tira ele do pescoço e o arremessa lá pra trás, no chão mesmo, com uma certa violência. Uau! Eu tomei até um susto com a falta de cuidado!

Devemos evitar ao máximo de jogar as coisas. Até a roupa suja deve ser colocada com carinho do sexto. Dessa forma expressamos nossa gratidão e respeito pelas coisas. Principalmente depois que nós as usamos.

Costumo dizer que se quisermos ter uma vida próspera temos que começar a desenvolver o espírito da gratidão. Estar à altura de tudo que recebemos do Universo e agradecer por tudo!

Quem usa as pessoas e as coisas sem cuidado acaba sendo usado também. Essa é a Lei do Retorno. A lei do Karma.

Esta foi minha primeira lição de filosofia do yoga:

Tudo tem alma!

Por isso, trate tudo com respeito. Com o tempo você vai ver a luminosidade que vem com essa prática.

Namaskar!

sábado, 25 de fevereiro de 2012

Calma

“Calma é a base da correta percepção e entendimento.Calma é força.”

Thich Nhat Hanh
Monge Zen

Por que calma é força? Porque a calma é desenvolvida pelo controle da própria mente. Este controle é desenvolvido através das práticas de meditação. A meditação em si, sentado de pernas cruzadas e também através da meditação ativa, no treinamento da mente que está presente em tudo que faz.

Dessa forma estamos cada vez mais aptos a enfrentar situações difíceis.

Namaskar!

Mahavir

Lokah Samastha Sukhino Bhavantu

Lokah Samastha Sukhino Bhavantu
Que todos os seres em todos os lugares sejam felizes

O que é Yoga?

Yoga é uma prática milenar que envolve inúmeras disciplinas,
dentre elas a prática dos ásanas, as posturas de yoga. Os ásanas fazem parte do
Hatha Yoga que é a forma do yoga mais conhecida no Ocidente. Além do Hatha Yoga
encontramos outras práticas como a meditação, o kirtan (canto de mantras), o estudo da filosofia e dos textos sagrados,
as práticas de purificação, a conduta yogue...

A meditação é a alma do yoga. Tudo que existe no yoga é para
aperfeiçoar a prática meditativa. É através da meditação que os yogues realizam
o significado mais profundo do termo Yoga:

“Samyoga Yoga Itiyukto Jivatma Paramatmanah”

Yoga é o estado de união da alma unitária com a Alma
Suprema, com Deus.

Yoga Samgha

Samgha significa associação. Quando yogues se reúnem para praticar juntos temos uma Samgha. Hoje, mais do que nunca precisamos de uma Samgha para praticar. A força que é gerada por esta associação faz com que nossas práticas se tornem cada vez mais fortes e profundas. Umas das orientações de grandes mestres do yoga é a importância de satsamgha, boa companhia. A boa companhia torna nosso caminho mais fácil.

Orientações para a Prática do Yoga

• Traga sempre uma pequena toalha para a prática.
• Procure praticar com roupas mais justas. O ideal é praticar com o joelho de fora e camiseta sem manga.
• Respeite o espaço físico e psíquico do yogue ao seu lado.
• Praticar de barriga vazia
• Não beber água durante a prática.
• Evite tomar banho, beber ou comer logo após praticar. Deixe um intervalo de 20 a 30 minutos.
• Atenção durante a prática, siga as orientações do professor.
• Se surgir cansaço pare. Não seja agressivo com seu corpo.
• Durante o período menstrual pratique de forma mais suave. Nestes dias não deve se praticar os ásanas de inversão (Sarvangásana, shirshásana...) .
• Evite sair mais cedo. Caso seja necessário sair anteS do início do relaxamento do grupo. Ao sair avisar o professor.
• Estar sempre vazio.Tenha sempre uma postura humilde junto ao seu professor. Nunca traga à mente a idéia que já tem plena compreensão do que está sendo ensinado. Até mesmo informações que já foram ouvidas inúmeras vezes.
• Qualquer sinal de desconforto durante a prática informe ao seu professor.

Seguidores